O quarto do choro / The weeping room

Oracao-da-manha-750x410
Orando em Secreto – Por David Wilkerson
julho 25, 2016
sala de oração
Sala de Oração
agosto 26, 2016
Mostrar Tudo

O quarto do choro / The weeping room

quarto

Por Jennifer Miller

Um dia enquanto eu orava, o Senhor começou a abrir meus olhos para um encontro espiritual. Eu me vi sendo levada para o céu. Diante de mim puder ver uma casa enorme com muitos cômodos. Eu percebi rapidamente que aquela era “a Casa do meu Pai”. Eu sentia o amor do Pai me atraindo, então comecei a correr pra entrar na casa. Quando entrei o Senhor foi me mostrando vários cômodos, todos cheios de significado espiritual.

Ele silenciosamente me convidou para entrar com ele no cômodo mais lindo de toda a casa – o quarto da intimidade. Era um ambiente lindo e extravagante. Quando entrei no quarto fiquei maravilhada com tanto amor e queria ficar ali pra sempre. No Espírito eu ouvia outras pessoas (outros cristãos) nos diferentes cômodos da casa. Alguns estavam estudando na biblioteca; outros, se embebedando na adega espiritual. Fiquei um pouco surpresa por todos não estarem no quarto da intimidade, já que era o lugar mais lindo da casa.

Enquanto eu admirava a câmara de intimidade, notei uma portinha no chão, bem ao lado da cama. Pareceu-me estranho pois não era sofisticado e não combinava com o resto do quarto. Eu perguntei ao Senhor por que a porta estava ali e Ele me disse que a porta era uma passagem para outro cômodo da casa. Perguntei porque esta porta estava tão próxima da parte mais linda do quarto, a cama. Ele respondeu: “Ela fica aí porque eu passo a maior parte do meu tempo lá embaixo.” Fiquei muito curiosa, por isso perguntei o que ficava lá embaixo. Ele disse que se chamava o “Quarto do Choro”.

Apesar de não parecer o tipo do cômodo onde eu gostaria de ficar, havia um clamor no meu coração dizendo: “se é lá que o Senhor passa a maior parte do seu tempo, é lá que eu quero estar.” Eu perguntei se podia descer com Ele, ao que Ele respondeu: “Poucos escolhem ir pra lá. Não é bonito como este cômodo, é solitário, não é muito confortável e você precisa se abaixar muito para passar pela porta. Eu disse que não me importava com as condições para chegar; eu só queria estar onde Ele estivesse.

Então abrimos a portinha e começamos a lentamente descer e chegar no quartinho. Precisei me ajoelhar porque a porta era muito pequena. Quando entramos no quarto a decoração era simples. Só tinha uma pequena cadeira de madeira. Uma das janelas dava pra fora. O Senhor sentou na cadeira e começou a olhar. Logo pude perceber por que este cômodo se chamava quarto do choro.

Olhando pela janela dava pra ver e ouvir cada clamor das pessoas da Terra. Dava pra ver todos os atos de injustiça ao mesmo tempo. Cada criança com fome, pedindo a Deus o alimento, todas as mulheres que são estupradas, cada gemido dos rejeitados… eu podia ouvir todas as orações, todos os clamores ao mesmo tempo. O Senhor, sentava na sua cadeira, via e ouvia.

De uma vez fui tomada pela intercessão e comecei a chorar. Chorei durante horas. Chorei pelos que estavam feridos mas até mais que isso – eu estava desconcertada com este Deus que escolhia prestar atenção e estava cheio de compaixão. Enquanto eu sentava e chorava com o Senhor, comecei a compreender Seu coração e minha ambição egoísta começou a desaparecer.

Enquanto estava naquele lugar notei que havia uma outra porta no quarto do choro. Eu perguntei ao Senhor o que ficava naquele quarto. Ele disse que era o “quarto da estratégia”. Ele falou estas palavras e eu logo senti no meu espírito que aquele era o cômodo onde a estratégia divina para o avivamento dos últimos tempos estava disponível. Apesar da porta estar fechada, eu podia reconhecer que a Sabedoria e a Revelação estavam ali.

Plantas celestiais foram abertas para vermos o cumprimento do Seu reino vindo à terra naquele cômodo. Era como se aquele fosse o quarto escondido pelo qual todos procuram. Todos querem ter estratégias divinas. Eu imediatamente perguntei se poderia ir naquele cômodo e o Senhor disse de forma sóbria que eu não “passaria pela porta”. Eu então compreendi que precisava passar tempo no quarto do choro. À medida que eu fosse compreendendo o coração de Deus pelos pobres e quebrantados, então a minha natureza almática seria despida e eu seria pequena o bastante para passar pela porta.

Naquele momento tudo ficou claro. Esta era a única maneira de acessar a estratégia divina. A partir de um local de intimidade, Deus nos convida a um nível mais profundo – Ele nos convoca a um quarto de choro – um local onde escolhemos ver o que Ele vê e sentir o que Ele sente. E à medida que passamos tempo conhecendo o coração de Deus, as coisas da nossa carne vão sendo despidas até que nos tornamos pequenos o bastante para passar pela porta que nos leva ao quarto da estratégia.

Eu tive este encontro há mais de dois anos mas eu creio que Deus está direcionando muitos da igreja a irem de um lugar de intimidade para o choro. Isto vai leva-los ao quarto da estratégia. Na verdade, nós não saímos do quarto da intimidade; somente descobrimos os níveis mais profundos. Muitos já se renderam ao quarto do choro e têm buscado de forma extravagante o coração que Deus tem pelos quebrantados – agora estes têm sido convidados ao quarto da estratégia.

Eu tive um outro há pouco mais de um ano no qual ouvi uma voz alta que dizia, “Chegou a hora!” e no Espírito eu vi o quarto da estratégia com a porta aberta. Deus está nos convidando para conhecer a estratégia divina que vai liberar uma colheita global de almas e estabelecer a revelação do Seu reino na terra através de santos vitoriosos.

Creio que entrando no “quarto da estratégia” seremos constrangidos e movidos pelo que vimos e sentimos no quarto do choro. Eu tenho a impressão de que alguns entraram no quarto da estratégia antes de nós. Infelizmente a maioria rapidamente se esqueceu pra quê a estratégia era usada e a usaram para construir seu próprio reino (Ageu 1,3-7). Deus está levantando uma companhia de cristãos que sentem repulsa pela ideia de construírem seu próprio reino. Esta companhia vai ter os corações marcados por paixão e compaixão. Estes são os que Deus quer liberar para o quarto da estratégia. “Chegou a hora!”

Os comentários estão encerrados.